As férias estão aí, e todos nós estaremos em busca de aproveitarmos cada momento com pessoas únicas e em datas singulares, onde muitas dessas pessoas fazem viagens incríveis e distantes, outras moram longe dos familiares, algumas vão passear em chácaras ou fazendas, e para que isso possa acontecer, é necessário fazer uma revisão geral em seu veículo para deixá-lo preparado para a viagem, afim de evitar quaisquer contratempos técnicos que possam surgir no caminho.

Aqui deixaremos algumas dicas para cuidar do seu veículo e garantir uma viagem tranquila e segura para a sua família, com o objetivo de tentar construir dicas de prevenção, e propor soluções de fácil execução, com custos mais baixos, que vão ajudar você a dar um “upgrade” em seu veículo. 

Dicas para deixar seu veículo pronto para a viagem de férias: 

  1. O mecânico é uma peça importante para o seu carro

A escolha certa de um profissional capacitado na área de automóveis é a chave do sucesso, principalmente para aqueles motoristas que entendem pouco do assunto. Fazer reparos no seu veículo por conta própria, não é o caminho certo para se obter bons resultados.

Você pode pedir indicação aos seus amigos e/ou familiares. Sempre tem aquela pessoa próxima que vive cercada de problemas técnicos com veículos e confia em um mecânico específico para resolver esses perrengues, e se ele confia é porque deve ter um bom motivo. Pesquise sobre o mecânico indicado, mas também sobre outros.

  • Faça uma revisão geral no seu veículo 

Acidentes de trânsito acontecem, mas ao viajar sem fazer uma revisão geral do seu veículo, as chances de uma tragédia acontecer são bem maiores. A revisão do seu veículo, deve ser periódica e completa. É necessário checar em que estados as peças estão, e se os sistemas e dispositivos do automóvel estão funcionando corretamente.

O período de revisão pode variar de veículo para veículo, em conformidade com o estado que o veículo se encontra e com as diferentes circunstâncias, no entanto, especialistas no assunto apontam uma média de 10 mil quilômetros rodados de uma revisão a outra, ou a cada 6 meses.

Na revisão é feito um check list e são analisados se há problemas em questões como:

  • Oléo do motor: se ele está lubrificando e refrigerando o motor como deveria e na medida certa.
  • Pneus: se os pneus não estão muito desgastados e é preciso fazer a troca destes. Além de conferir se o veículo possui estepes extras e as ferramentas de troca, como macaco, roda e outros –para o caso de o pneu furar no meio do caminho para viagem tão esperada. 
  • Água do radeador: se há água o suficiente no radiador do carro, pois o aquecimento do motor pode causar danos irreversíveis para o veículo. 
  • Luzes e faróis: verificar o funcionamento destes dispositivos, pois a falta de luz em uma estrada à noite podem acarretar consequências graves para você e sua família. 
  • Alinhamento e balanceamento: é necessário alinhar as rodas, para que o motorista não perca o controle do carro e não desvie seu caminho para o acostamento, por exemplo. E o balanceamento, se faz necessário para evitar trepidações que causem o descontrole do volante. 
  • Parte elétrica: é importante verificar o funcionamento do sistema elétrico, tais como luzes de freio, luzes de ré etc., pois elas podem acabar queimando e dificultando a visão do motorista. 
  • Acompanhe a revisão

Finalmente, você encontra um bom mecânico, que é confiável para pessoa que te indicou, mas pode não ser confiável para você. Portanto, é sempre interessante checar se a revisão está sendo feita de forma correta, e se o mecânico seguiu todos os passos recomendados pela oficina e pelo fabricante.

Consultar o manual do veículo vai te ajudar a entender e analisar algumas peças e procedimentos utilizados pelo mecânico. 

É importante evitar a verificação de óleo em postos de gasolina, pois como o carro estava em funcionamento recentemente, o óleo pode estar quente e ao abrir a tampa do galão ele pode espirrar em você e causar queimaduras sérias. 

  • Consulte preços 

As revisões de veículos são obrigatórias, sendo assim, muitas concessionárias apresentam orçamentos inviáveis para o cliente, o que causa um constrangimento quando a revisão não é bem realizada. 

Com isso, muitas pessoas procuram oficinas com valores mais acessíveis, mas sem se atentaram com a qualidade dos serviços prestados ou com o atendimento recebido pelos funcionários do estabelecimento. 

É necessário ponderar sobre o custo benefício também, quer dizer, a qualidade da mão de obra e os valores cobrados pelo serviço. Vá conhecer as oficinas e faça um levantamento de gastos, depois compare os orçamentos. Neste momento, paciência é fundamental para o alcance de bons resultados e de uma melhor economia.

Não se esqueça de exigir garantias sobre o trabalho prestado. Conheça as peças que serão utilizadas em seu veículo e os motivos de elas terem que ser trocadas. 

  • Antecipe sua revisão

Sabemos que a vontade de viajar nas férias é grande e, exatamente por isso, temos a tendência de fazer as coisas apressadamente ou prolongar a execução destes pequenos detalhes, tais como arrumar malas, fazer compras, agendar os horários de saída e chegada e, principalmente, fazer a revisão do carro.

Contudo, estes detalhes são de extrema importância para garantir a tranquilidade na estrada e no interior de outras cidades. Antecipe sua revisão, assim você terá tempo para cuidar destas outras situações calmamente e minuciosamente, evitando o risco de se esquecer de algo importante. 

  • Kit de viagem 

Por fim, não se esqueça de conferir os itens de segurança de emergência do seu carro, tais como macaco, chave de roda, triângulo de sinalização etc. Além da falta desses equipamentos gerarem uma infração gravíssima e ser sujeito a pontos na carteira, a falta desses itens podem ocasionar problemas gravíssimos no decorrer da estrada, podendo ocasionar até mesmo acidentes, pela falta de sinalização de que um problema ocorreu ali.